domingo, 22 de março de 2015

Variedade padrão X variedade não padrão



    Variedades linguísticas são as variações que uma língua apresenta de acordo com as condições sociais, culturais, regionais e históricas em que é utilizada.

    Variedade padrão, língua padrão ou norma culta: baseada no “modo de falar e escrever” dos grupos de maior prestígio cultural, político e econômico; caracteriza-se pelo uso de estruturas frasais mais complexas, pelo vocabulário mais elaborado e pela observância às regras da gramática normativa.
    
    Variedade não padrão, língua não padrão: mais espontânea, empregada em situações informais do dia a dia e caracterizada pelo emprego de frases de estrutura simples, pela pouca (ou nenhuma) observância às regras da gramática normativa, pelo vocabulário mais comum e pela presença de frases feitas, expressões populares e gírias.
    Empregamos a variedade não padrão quando nos comunicamos de maneira mais informal e espontânea com nossos familiares, vizinhos, colegas e amigos.

    Observe algumas diferenças:






5 comentários: