sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Exercícios/ Orações subordinadas adjetivas

 1) Transforme os períodos simples em períodos compostos com orações subordinadas adjetivas.
     O aluno estudioso aprende. →  O aluno que estuda aprende.
     a) O homem trabalhador vence na vida.
     b) O aluno preocupado sente-se inseguro.
     c) O homem sorridente revela despreocupação.
     d) O aluno interessado aprende.  

2) A seguir, há três períodos simples. Reúna-os num único período composto por subordinação utilizando as orações adjetivas. Faça as modificações que julgar necessárias.
     O atacante foi negociado com o Barcelona. O Barcelona é o atual líder do campeonato espanhol. o contrato do jogador com o time brasileiro terminou.

Leia o texto e faça as atividades de 3 e 4.
"O carteiro, cujo velho sonho era a formatura do filho, viu logo ali meios de consegui-la. Castrioto, o escrivão do juiz de paz, que o ano passado conseguiu comprar uma casa, mas ainda não pudera cercar, pensou no muro, que lhe devia proteger a horta e a criação. Pelos olhos do sitiante Marques, que andava desde anos atrapalhado para arranjar um pasto, passou logo o prado verde do costa, onde seus bois engordariam e ganhariam forças [...]"
                                      BARRETO, Lima. A nova Califórnia. In: MORICONI, Ítalo (Org). Os cem                                                                                 melhores contos brasileiros do século. RJ: Objetiva, 2001. p. 40.


3) Classifique as orações destacadas no texto.

4) Qual é a oração principal do segundo período?

5) Distinga as orações  adjetivas restritivas das explicativas, atentando-se ainda para a pontuação:
    a) Rui Barbosa, que foi grande escritor, deixou-nos um livro sobre questões de língua portuguesa: a Réplica.
    b) A primavera, que é a estação das flores, promete ser radiosa.
    c) Desconhecia todas as razões que ele me lembrou.
    d) Nem tudo o que reluz é ouro.
    e) Pedro II, que foi imperador do Brasil, gostaria de ser professor.
    f) As alegrias, que a vida nos proporciona, devem ser bem aproveitadas.
   g) Soube das novidades na casa do José, que é o meu melhor amigo.
   h) Falava sempre do sítio do avô, onde passava todas as férias.
   i) Sempre chegava atrasado, o que descontentava o patrão.
   j) O relógio que ganhei foi presente do meu padrinho.

6) Transforme as orações adjetivas explicativas em aposto:
     Colombo, que descobriu a América, nasceu em Gênova.
     Colombo, descobridor da América, nasceu em Gênova.
    a) O Tejo, que é o maior rio de Portugal, nasce em Espanha.
    b) O nosso parente, que reside em Lisboa, é rico.
    c) A Rússia, que é o maior país da Europa, confia ao poente coma Alemanha e a Áustria.
    d) José, que é meu primo, vem hoje aqui.
    e) Lisboa, que é a capital de Portugal, tem um porto excelente.
    f) Gutenberg, que inventou a imprensa, era natural de Mogúncia.
    g) A baleia, que é o maior de todos os animais, habita principalmente o mar glacial do norte.
    h) Cipião, que destruiu Cartago, era cognominado o Africano.

7) Divida os seguinte períodos em orações e classifique-as:
    a) Todavia, esperou com rosto seguro a chegada dos cavaleiros que subiam a encosta.
    b) Ele buscara na piedade de Deus o amparo que mal podia esperar das muralhas do forte edifício.
    c) O quinquagenário, em cujas faces pálidas passara um relâmpago de vermelhidão, recuou.
    d) A abadessa aproximou-se das reixas douradas que a separavam do guerreiro.
    e) A mulher procurou das às palavras que proferia um tom de firmeza.
    f) O incêndio que reverberava ao longe e o ruído de um grande combate davam prova da crueza da luta.
   g) Não tardam os cavaleiros que vêm juntar-se aos nossos.
   h) Cumprirei o que ordenas.
   i) Os três, que já iam longe, ouviram os gritos de socorro.
   j) Esta foi a primeira coisa que lhe feriu a vista.
   k) O sussurro que se ouvia entre tantos milhares de homens era cada vez mais acentuado.
   l) Os jovens caminhavam para a orla do bosque onde havia muitas flores.

8) Transforme as orações coordenadas em subordinadas adjetivas, intercalando-as na principal. Atente-se para o emprego da vírgula e a colocação pronominal:
  O âmbar é empregado em vários objetos de ornamento; e encontra-se no mar Báltico.
  O âmbar, que se encontra no mar Báltico, é empregado  em vários objetos de ornamento.

    a) A mocidade passa depressa; e é a mais bela época da vida.
    b) A Lua recebe a luz do sol; e é um satélite da Terra.

    c) O Mondego desemboca no Atlântico; e é um dos rios principais de Portugal.
    d) Sintra é visitada por nacionais e estrangeiros; e é o mais belo sítio de Portugal.
    e) A cicuta é uma planta aquática; e é conhecida pelas suas flores pequenas e brancas.
    f) Aqueles cães não mordem; e ladram muito.
    g) Aqueles livros são muito instrutivos; e foram-se oferecidos pelo professor.
    h) O Tejo banha Lisboa; e é o maior rio de Portugal.
    i) A mocidade diz o que intenta fazer; e ela é incauta.
    j) Aqueles homens não querem submeter-se à leis; e eles são maus cidadãos.
    k) A ventoinha é a imagem dos homens inconstantes; e ela vira com todos os ventos.





Gabarito:
1) a) O homem que trabalha vence na vida.
    b) O aluno que se preocupa sente-se inseguro.
    c) O homem que sorri revela despreocupação.
    d) O aluno que se interessa aprende.
2) O atacante, cujo contrato com o time brasileiro terminou, foi negociado com o Barcelona, que é o atual líder do campeonato espanhol.
3) cujo velho sonho era a formatura do filho: oração subordinada adjetiva explicativa.
    que andava desde anos atrapalhados para arranjar um pasto: oração subordinada adjetiva explicativa.
 4) Castrioto, o escrivão do juiz de paz, pensou no muro.
 5) a) explicativa
     b) explicativa
     c) restritiva
     d) restritiva
     e) explicativa
     f) explicativa
     g) explicativa
     h) explicativa
     i) explicativa
     j) restritiva

6) a) O Tejo, o maior rio de Portugal, nasce em Espanha. 
    b) O nosso parente, residente em Lisboa, é rico.
    c) A Rússia, o maior país da Europa, confina ao poente com a Alemanha e a Áustria.
    d) José, meu primo, vem hoje aqui.
    e) Lisboa, capital de Portugal, tem um porto excelente.
    f) Gutenberg, inventor da imprensa, era natural de Mogúncia.
    g) A baleia, o maior de todos os animais, habita principalmente o mar glacial do norte.
    h) Cipião, destruidor de Cartago, era cognominado o Africano.

7) a) Oração principal: Todavia, esperou com rosto seguro a chegada dos cavaleiros 
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que subiam a encosta.

    b) Oração principal: Ele buscara na piedade de Deus o amparo
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que mal podia esperar
das muralhas do forte edifício

    c) Oração principal: O quinquagenário recuou.
        Oração subordinada adjetiva explicativa: em cujas faces pálidas passara um relâmpago

    d) Oração principal: A abadessa aproximou-se das reixas douradas 
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que a separavam do guerreiro.

    e) Oração principal: A mulher procurou das às palavras um tom de firmeza
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que proferia

    f) Oração principal: O incêndio e o ruído de um grande combate davam prova da crueza da luta
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que reverberava ao longe e o ruído de um grande combate davam prova da crueza da luta.

    g) Oração principal: Não tardam os cavaleiros 
        Oração subordinada adjetiva restritiva: que vêm juntar-se aos nossos.

   h) Oração principal: Cumprirei o (=aquilo)
       Oração subordinada adjetiva restritiva: que ordenas.
   
   i) Oração principal: Os três ouviram os gritos de socorro.
      Oração subordinada adjetiva explicativa: que já iam longe 

   j) Oração principal: Esta foi a primeira coisa a vista.
      Oração subordinada adjetiva restritiva: que lhe feriu

   k) Oração principal: O sussurro era cada vez mais acentuado
       Oração subordinada adjetiva restritiva: que se ouvia entre tantos milhares de homens

   l) Oração principal: Os jovens caminhavam para a orla do bosque     
      Oração subordinada adjetiva restritiva: onde havia muitas flores.

8) a) A mocidade, que é a mais bela época da vida, passa depressa.
    b) A Lua, que é um satélite da Terra, recebe a luz do Sol.
    c) O Mondego, que é um dos rios principais de Portugal, desemboca no Atlântico.
    d) Sintra, que é o mais belo sítio de Portugal, é visitada por nacionais e estrangeiros.
    e) A cicuta, que é conhecida pelas suas flores pequenas e brancas, é uma planta aquática.
    f) Aqueles cães que ladram muito não mordem.
    g) Aqueles livros que me foram oferecidos pelo professor são muito instrutivos.
   h) O Tejo, que é o maior rio de Portugal, banha Lisboa.
   i) A mocidade, que é incauta, diz o que intenta fazer.
   j) Aqueles homens que são maus cidadãos não querem submeter-se às leis.
  k) A ventoinha, que vira com todos os ventos, é a imagem do homem inconstante.

 

6 comentários:

  1. Muito interessante suas atividades!!

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante suas atividades!!

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Essas atividades são do livro portugues e linguagens edição de professor,e doou aula e percebi isso,esta tudo igual ao do meu livro

      Excluir
  4. Muito bom, parabéns pela iniciativa.

    ResponderExcluir